Fies vai divulgar a lista de aprovados nesta segunda-feira (5)

Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) vai divulgar o resultado da edição do primeiro semestre nesta segunda-feira (5). Não há horário definido para a publicação da lista de aprovados.

O programa oferece créditos para estudantes cursarem o ensino superior em universidades privadas. Os aprovados terão entre esta terça-feira (6) e a quinta-feira (8) para fazer a complementação da inscrição no FiesSeleção.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), o resultado do P-Fies (modalidade do programa financiada por bancos) está previsto para o dia 12 de março.

Até as 12h da última sexta-feira (2), o sistema registrava 443.362 inscrições concluídas, de acordo com o MEC. O prazo para participar terminou às 23h59 de sexta.

Novidades

O novo Fies possui duas modalidades:

Fies: candidatos cuja renda familiar per capita seja de até 3 salários mínimos. O pagamento dessa modalidade será feita com juros zero.

P-Fies: candidatos cuja renda familiar per capita esteja entre 3 e 5 salários mínimos. O financiamento é feito nas condições pré-definidas pelo banco.

Estudantes que se enquadram na faixa de renda do Fies podem participar do P-Fies se não houver vaga para o curso desejado na primeira modalidade.

Pagamento

Os candidatos aprovados deverão pagar mensalmente durante o curso uma taxa de coparticipação.

Após a conclusão do curso, o estudante quitará a dívida de acordo com a sua realidade financeira. A parcela mensal depende da renda.

Perdeu algum lance? Confira os resultados da rodada do fim de semana

Se você desligou do mundo do futebol neste fim de semana, não se preocupe, pois separamos aqui os resultados dos principais jogos que ocorreram nos gramados do Brasil e do mundo.

No domingo (4), um dos destaques foi o clássico mineiro entre Atlético e Cruzeiro, pelo estadual. A Raposa venceu o duelo por 1 a 0, com gol de Raniel. Já pelo Paulistão, o Santos encarou o Corinthians e arrancou um empate aos 41 do segundo tempo, com Diogo Vitor. O confronto terminou em 1 a 1.

Na Europa também tivemos clássico. O Barcelona recebeu o Atlético de Madrid no Camp Nou e venceu a partida por 1 a 0, com gol do craque Lionel Messi.

Confira abaixo os principais resultados do domingo (4) e do sábado (3):

DOMINGO, 4/03

Campeonato Mineiro

Atlético-MG 0 x 1 Cruzeiro

Campeonato Baiano

Vitória 2 x 1 Jacobina

Campeonato Paranaense

Cianorte 2 x 2 Paraná

Campeonato Pernambucano

Santa Cruz 3 x 2 Belo Jardim

Campeonato Inglês

Brighton 2 x 1 Arsenal

Campeonato Francês

Montpellier 1 x 1 Lyon

Campeonato Inglês

Manchester City 1 x 0 Chelsea

Campeonato Alemão

Freiburg 0 x 4 Bayern de Munique

Oscar 2018: ‘A Forma da Água’ fica com melhor filme e melhor diretor

Ao contrário do tapete vermelho do Globo de Ouro, marcado pelo preto dos protestos dos movimentos #MeToo e Time’s Up, o da 90.ª festa do Oscar pautou-se pelo colorido. Sempre irreverente, o apresentador Jimmy Kimmel abriu o show dizendo por que o Oscar – a estatueta – é o homem mais respeitado de Hollywood. Dá para ver onde estão suas mãos – e ele não tem pênis! O humor em tempos de assédio na indústria.

Essa abertura, digamos, provocadora não teve muita continuidade. Como a Academia queria, os discursos políticos não deram o tom desse Oscar. Em comparação com o Globo de Ouro, foi bem morno, pelo menos até que Salma Hayek, integrando um grupo de mulheres, destacou a importância do que está ocorrendo na indústria.

Num clipe, Geena Davis lembrou Thelma e Louise. “Todo mundo pensava que o filme ia abrir um novo espaço para as mulheres em 1991. Isso está ocorrendo hoje”. E veio a celebração da cultura latina no palco do Dolby Theatre, com as vitórias do Chile, de Guillermo del Toro e de Viva – A Vida é Uma Festa.

Prosseguiu com o Oscar de roteiro original para Jordan Peele, por Corra!, o primeiro negro a concorrer em filme, direção e script. Outro Oscar, de roteiro adaptado, para Me Chame Pelo Seu Nome, e James Ivory ressaltou a importância da diversidade sexual. Lembrou até seu companheiro, o falecido produtor Ismail Merchant. Talvez tenham sido esses momentos que fizeram a diferença nesse Oscar.

Os prêmios de coadjuvantes para Sam Rockwell (Três Anúncios para um Crime) e Allison Janney (Eu, Tonya) eram mais que esperados. Rockwell retratou-se nos bastidores. “Não podia ter me esquecido de agradecer a Philip Seymour Hoffman (que morreu em 2014). Ele foi inspirador para mim e todos da minha idade. Sua forma de interpretar e de dirigir mostravam que era um homem que acreditava e amava o cinema.”

Melhor ator – Gary Oldman

Gary Oldman  e Frances McDormand, também favoritos, venceram como melhor ator e atriz por O Destino de uma Nação e Três Anúncios Para Um Crime. Guillermo del Toro, outra barbada, foi melhor diretor por A Forma da Água. Warren Beatty e Faye Dunaway voltaram ao palco para apresentar melhor filme. Surpresa – foi A Forma da Água, que ganhou também melhor trilha e direção de arte. Kimmel saudou Gal Gadot, a Wonder Woman, e muita gente considera que o sucesso do filme, e da personagem, foi decisivo para a resistência das mulheres no ano passado.

Melhor atriz – Frances McDormand

Gal marcou presença mais pela beleza que pela veemência. Atribuiu o Oscar de maquiagem – para O Destino de uma Nação . Uma lenda – Eva Marie Saint, atriz de Elia Kazan e Alfred Hitchcock – apresentou o Oscar de figurino, que só poderia ir para Trama Fantasma. E Kimmel continuou disparando sua metralhadora giratória de humor.

A cada meia hora, Pantera Negra soma um milhão à sua renda – o que o qualifica para não concorrer a nada em 2019. Duas mulheres maravilhosas, Laura Dern e Greta Gerwig, atribuíram o Oscar de documentário, que não foi para Agnès Varda, Visages Villages, mas para Icarus, da Netflix, sobre um ciclista amador envolvido num escândalo de doping.

Uma hora de cerimônia – começou pontualmente às 22h do Brasil – e a Academia se auto-homenageia. Arte, indústria, reconhecimento. Um clipe faz a síntese desses 90 gloriosos anos para falar de esperança. Já que o tema é sonho, o Oscar de efeitos visuais cai bem para o novo Blade Runner. Dunkirk vence os prêmios técnicos – melhor edição e mixagem de som, melhor montagem.

Oscar 2018: os principais vencedores da noite

A porto-riquenha Rita Moreno lembra Frank Capra, que dizia que existem três linguagens universais – música, matemática e cinema. E o Oscar de melhor filme estrangeiro vai para… Uma Mulher Fantástica. “Estou em Júpiter”, disse o diretor Sebastián Lelio, na sala de imprensa. “Muito feliz pelo que o filme representa. Está conseguindo contribuir para uma conversa necessária e urgente.”

O Chile entra no panteão do Oscar, e com um filme centrado numa personagem transgressora pelo simples fato de existir – a transexual interpretada por Daniela Vega, que apresentaria depois a canção de Me Chame Pelo Seu Nome. “Não existem pessoas ilegítimas”, brada Lelio. Parte do elenco do maior sucesso do ano – Star Wars O Último Jedi – vem entregar o prêmio de curta de animação.

Mark Hamill lembra o imbróglio do ano passado – “Não vamos trocar o envelope de La La Land?”. O prêmio de longa de animação para Viva – A Vida É Uma Festa produz um simpático discurso em defesa dos imigrantes. Que viva México! Até Gael García Bernal cantou – o tema de Viva, claro.

COLABOROU UBIRATAN BRASIL, ENVIADO ESPECIAL A LOS ANGELES

Temporal derruba árvores e alaga ruas em Guaíra

 

Na tarde deste Domingo (4) um temporal acompanhado de ventos fortes derrubou diversas árvores e alagou ruas no bairro Eletrosul, na cidade de Guaíra no interior do Paraná.

Segundo informações, na região, várias árvores caíram e casas foram destelhadas.

Algumas ruas do bairro ficaram alagadas. Também houve quedas de árvores por outras regiões da cidade.

Morre no Rio de Janeiro aos 95 anos a atriz Tônia Carrero

A atriz global Tônia Carrero morreu na noite de sábado (3) aos 95 anos, vítima de uma parada cardíaca durante um procedimento cirúrgico. Ela estava internada em uma clínica no Rio de Janeiro.

O velório será neste domingo (4) e ela será cremada na segunda-feira (5), afirmou a neta da atriz, Luiza Thiré.

Uma das atrizes mais consagradas do Brasil, Tônia é conhecida por inúmeros papéis marcantes e integrou o elenco de 54 peças, 19 filmes e 15 novelas.

Sua última novela foi Senhora do Destino (2004), de Aguinaldo Silva, na qual fez uma participação especial. No cinema, sua última aparição foi em Chega de Saudade, em 2008.

Grande homenageada do Prêmio Shell de 2008, Tonia atuou no teatro pela última vez no ano anterior, em Um Barco Para o Sonho, de Alexei Arbuzov, peça produzida pelo seu único filho, Cécil Thiré, e dirigida pelo neto, Carlos Thiré.

(TV Foco)

50% dos brasileiros defendem que ‘bandido bom é bandido morto’

Uma pesquisa Ibope inédita revela que cerca de 50% dos brasileiros concordam com a afirmação: “bandido bom é bandido morto”. O levantamento foi feito entre os dias 22 e 26 de fevereiro com 2.002 pessoas em todo o país.

Segundo divulgado pelo jornalista Lauro Jardim no Globo, metade dos entrevistados “concordam” ou “concordam totalmente” com a frase, contra 37% dos brasileiros que se opõem.

+ No Rio, ex-militares ensinam táticas do Exército a facções criminosas

Entre os que defendem a solução drástica para a criminalidade, 52% são católicos e 44% evangélicos. Os homens são os que mais apoiam. Eles somam 53%, contra 45% de mulheres.

A afirmação é usada com frequência pelo deputado federal e pré-candidato ao Planalto Jair Bolsonaro. O parlamentar já afirmou, inclusive, que daria “carta branca para a Polícia Militar matar”.

Desaprovação de presidenciáveis se mantém elevada

Faltando sete meses para as eleições presidenciais, nenhum dos pré-candidatos vinculados ao governo e ao centro político tem taxa de aprovação superior a dois dígitos, segundo o Barômetro Político Estadão-Ipsos, pesquisa de opinião pública que todos os meses avalia a imagem de personalidades do mundo político e do Judiciário.

O presidente Michel Temer, que cogita disputar a reeleição pelo MDB, é aprovado por apenas 4% da população, de acordo com o levantamento do instituto Ipsos. Feita na primeira quinzena de fevereiro, a pesquisa não captou os efeitos da intervenção federal na área de segurança pública no Rio de Janeiro.

Temer vê na intervenção uma maneira de ampliar sua popularidade e, assim, aumentar suas chances na primeira eleição presidencial que pretende disputar como cabeça de chapa. A medida foi anunciada dias antes da possível derrota, na Câmara, da principal bandeira da atual gestão, a reforma da Previdência. A desaprovação ao presidente está na casa dos 93%.

Outro possível representante do atual governo na campanha presidencial, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (PSD), é aprovado por apenas 5% da população. Meirelles está em tratativas para mudar de partido e disseque faz pesquisas para medir seu potencial de votos.

O ministro tem como trunfo a volta do crescimento do PIB em 2017, após dois anos de retração – mas a taxa de expansão da economia foi de apenas 1%, e o desemprego voltou a crescer em janeiro. “A melhora dos indicadores econômicos ainda não alterou o dia a dia das pessoas”, observou o diretor do Ipsos, Danilo Cersosimo.

Representante do centro político, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), deve anunciar nesta semana sua candidatura à Presidência. Segundo o Ipsos, ele tem taxas de aprovação, desaprovação e desconhecimento similares às de Meirelles – 4%, 69% e 27%, respectivamente.

No PSDB, que se afastou de Temer no final do ano passado, Geraldo Alckmin é aprovado por 20% dos eleitores, e desaprovado por 68% – suas taxas pouco oscilaram nos últimos três levantamentos do Ipsos.

O deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) tem taxas um pouco melhores que as de Alckmin: aprovação de 24% – oscilação de três pontos para cima desde o levantamento anterior – e desaprovação de 58%.

A pesquisa Ipsos não é de intenção de voto. O que os pesquisadores dizem aos entrevistados é o seguinte: “Agora vou ler o nome de alguns políticos e gostaria de saber se o (a) senhor(a) aprova ou desaprova a maneira como eles vêm atuando no País”. O Ipsos ouviu 1.200 pessoas em 72 municípios do País, entre os dias 1.º e 16 de fevereiro. A margem de erro do levantamento é de 3 pontos porcentuais. Com informações do Estadão Conteudo.

Caravana de Lula pelo Sul do país começa dia 19 de março

A caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo Sul do país começa no dia 19 de março, em Bagé, no Rio Grande do Sul, e percorrerá os três estados da região. A data inicial, que seria em fevereiro, foi adiada para ajustar o roteiro ao calendário das universidades que receberão o ex-presidente.

“Vamos começar a quarta caravana em Bagé, na Unipampa, e em seguida com uma conversa pública em Santana do Livramento, entre o presidente Lula e o presidente Pepe Mujica, sobre o desenvolvimento da América do Sul na divisa entre o Brasil e o Uruguai”, comentou o coordenador das caravanas, Márcio Macedo. “As caravanas do presidente Lula vão continuar acontecendo por todo país”, garantiu.

Bolsonaro diz que FHC teve ‘cérebro deslocado para o intestino grosso’

O projeto “Lula pelo Brasil”, que já percorreu o Nordeste e o Sudeste do Brasil, chega agora a sua quarta etapa, passando pelo Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina, durante nove dias. O percurso, que será todo feito de ônibus, passará por pelo menos 14 cidades e se encerra no dia 28 de março, em Curitiba.

Confira as cidades por onde a caravana vai passar:

Segunda-feira, 19 de março de 2018

Manhã – Bagé

Tarde – Santana do Livramento

Terça-feira, 20 de março de 2018

Tarde – Santa Maria

Quarta-feira, 21 de março de 2018

Tarde – São Borja

Quinta-feira, 22 de março de 2018

Manhã – Paradas: São Miguel das Missões / Cruz Alta

Tarde – Palmeira das Missões

Sexta-feira, 23 de março de 2018

Manhã – Paradas: Ronda Alta / Pontão

Tarde – Passo Fundo

Noite – Porto Alegre

Sábado, 24 de março de 2018

Manhã – Florianópolis

Noite – Chapecó

Domingo, 25 de março de 2018

Manhã – Nova Erechim

Tarde – São Miguel do Oeste

Segunda-feira, 26 de março de 2018

Manhã – Francisco Beltrão

Tarde – Foz do Iguaçu

Terça-feira, 27 de março de 2018

Manhã – Quedas do Iguaçu

Tarde – Laranjeira do Sul

Quarta-feira, de 28 de março de 2018

Parada: Guarapuava

Tarde – Curitiba

Prefeito esteve presente em evento que destina recursos para melhorias na conexão das escolas

O governador Beto Richa lançou nesta quarta-feira (28), no Palácio Iguaçu, o programa Escola Conectada, que vai modernizar os sistemas de informática dos colégios da rede estadual. Serão investidos R$ 283 milhões para aquisição de equipamentos e melhorias da rede de Internet das escolas.

Ao todo, foram destinados aproximadamente R$ 600 milhões para projetos de infraestrutura de escolas e Apaes, além da reforma do Colégio Estadual do Paraná e do aumento de 100% no valor do fundo rotativo repassado às instituições de ensino estaduais.

Durante o evento, que reuniu centenas de pessoas, Richa assinou o contrato do último colégio contemplado pelo Escola 1000, programa que destinou R$ 100 milhões para obras de melhorias em mil instituições da rede estadual.

O prefeito Heraldo Trento compareceu ao evento, acompanhado da direção do Colégio Mendes Gonçalves (Fernanda Rossetto Maia e Esleonir Martins).

Escola Conectada visa potencializar a utilização de recursos tecnológicos nos estabelecimentos de ensino da rede pública do Estado, com o objetivo de renovar e ampliar o parque tecnológico das instituições de ensino. Os profissionais da educação participarão de formações para dinamizar e tornar eficiente o uso da tecnologia educacional no processo de ensino aprendizagem.
O programa, executado pelo Instituto Fundepar em parceria com a Celepar e a Copel Telecom, foi dividido em três fases. Nesta primeira, 700 escolas vão receber novos computadores, notebooks, impressoras, projetores multimídia, laboratórios móveis e rede de internet sem fio. Elas também passarão por melhorias da infraestrutura lógica e elétrica, formatação interativa e implantação de plataforma educacional.

A secretária estadual da Educação, Ana Seres, afirmou que a Escola Conectada se soma a outras tecnologias adotadas nas escolas da rede pública. “Até 2015, tínhamos 16 escolas com o registro de classe online, hoje são 1.440 colégios com esta tecnologia. Isso exige melhores equipamentos e uma velocidade maior de internet para que tecnologias como esta se consolidem”, disse.

A instalação dos equipamentos vai obedecer um cronograma individual, que segue até o mês de outubro. A partir daí, começa a segunda fase do programa, com mais 700 escolas, priorizando os colégios rurais. Assim que encerrar a segunda etapa, se inicia a terceira, totalizando as 2,1 mil escolas da rede pública estadual.

“Cada diretor saiu do evento com um notebook. Já mesmo em março iremos alocar recursos nas escolas para que elas possam fazer o cabeamento lógico para melhorar sua estrutura, e em abril elas começam a receber os computadores”, disse o diretor-presidente da Fundepar, Sérgio Brun. “Até outubro pretendemos concluir a primeira etapa com a entrega das redes de Wi-Fi e as impressoras que estão sendo compradas”, acrescentou.

O investimento em cada escola varia de R$ 140 mil a R$ 420 mil, dependendo do número de salas de aula. Também será destinada uma cota especial do Fundo Rotativo para melhoria da rede lógica das instituições. Os recursos, que variam de R$ 12 mil a R$ 15 mil, serão depositados nas contas das escolas em março.

ESCOLA 1000

O programa foi lançado em setembro de 2016, destinando R$ 100 mil a mil colégios estaduais para a execução de obras de reparo e melhorias, totalizando R$ 100 milhões de investimento. Foram 17 meses até a conclusão e quase 59 obras executadas simultaneamente a cada mês.

Os recursos foram depositados diretamente nas contas das escolas, que decidiu junto com os pais e a comunidade escolar quais seriam as obras prioritárias. Coube também à comunidade o papel de fiscalizar a qualidade da execução. “A participação de todos foi fundamental, tanto pela escolha da intervenção que foi feita quanto pela transparência e controle da aplicação do dinheiro”, afirmou o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni.

Em Guaíra, três escolas foram contempladas pelo Escola 1000: Mendes Gonçalves, Samuel Benck e Jardim Zeballos.

Texto Cristian Aguazo

CURIOSIDADES: “Transei de legging”. Corro o risco de engravidar?

A leitora conta que estava com o namorado e o clima esquentou. Ele ficou nu e ela estava de calça legging, bem colada ao corpo. Mesmo com a roupa, deu para sentir o pênis dele quase a penetrando. Ela quer saber se, caso o parceiro tenha ejaculado, há o risco de engravidar.

Jairo Bouer diz que é muito difícil engravidar de roupa e que ele mesmo não conhece nenhum caso do tipo.

O especialista em sexualidade explica que o pênis precisa estar dentro da vagina para que os espermatozoides consigam alcançar o óvulo. Com uma barreira como a calça, essa “missão” fica muito difícil.

Bouer frisa que a melhor forma de se proteger de uma gravidez indesejada é usar camisinha na hora H.

Tem alguma dúvida? Mande um e-mail para o [email protected] Acompanhe ainda o blog do Jairo Bouer. E, se você perdeu algum programa do @saúde, assista a outras edições.

Gostaria de fazer parte da nossa rede de amigos? Basta Clicar aqui!Sim, Eu Quero!