Enio Manoel

Colisão deixa seis mortos na PR-323, próximo a réplica da torre Eiffel

Seis pessoas morreram na colisão frontal entre dois automóveis na madrugada desta sexta-feira (19), na PR-323, nas imediações da réplica da torre Eiffel, em Umuarama.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, a colisão ocorreu por volta das 3h30 e envolveu um Astra, com dois ocupantes, e uma Parati, com quatro ocupantes.

Os corpos das vítimas, jovens entre 18 e 25 anos, foram encaminhados ao IML.

em breve mais informações

Reunião dos Lindeiros com diretor-geral de Itaipu gera expetativa positiva para ações na região

O presidente do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu e prefeito de Pato Bragado, Leomar Rohden (Mano), a vice-presidente e prefeita de Mercedes, Cleci Loffi, e a diretora técnica da entidade, Sandra Finkler, se reuniram nesta quarta-feira (17) com o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna. Na pauta estiveram assuntos relacionados a convênios, patrocínios e parcerias. A avaliação a respeito do contato com o novo diretor geral foi positiva, conforme o presidente dos Lindeiros.

Dentre os assuntos em destaque estiveram, segurança, saúde, projetos no setor energético, a questão indígena e a Ferroeste. Conforme publicação da Itaipu Binacional, na terça-feira (16), o diretor fez um sobrevoo na região para conhecer as ações socioambientais de Itaipu. “Os lindeiros são uma espécie de fiscais e guardiões do nosso reservatório”, disse o general.

Ações conjuntas

A pauta de reivindicações à nova diretoria de Itaipu teve como destaque a participação no grupo de trabalho que analisa o Anexo C, do tratado de Itaipu e que também se relaciona ao pagamento dos royalties; Continuidade dos programas que auxiliam os municípios diretamente com prevenção do solo e melhorias contínuas da comunidade lindeira; continuidade dos convênios, caso, por exemplo do Rede de Educação Ambiental Linha Ecológica, Encontros e Caminhos, Programa Cidades Sustentáveis, nos 55 municípios do Oeste e Mais Verão ao Lago de Itaipu; pavimentação asfáltica; continuidade do apoio na realização da Gincana Jovens Lindeiros Ligados à Vida, nos 16 municípios Lindeiros.

Além disso, outras ações solicitadas visam o repovoamento de peixes no Lago de Itaipu e incentivo a energias renováveis. A discussão conjunta de iniciativas e ações em prol dos municípios lindeiros também foi uma das reivindicações apresentadas na reunião.

 

Recursos

Conforme a Itaipu, “todos os convênios com aderência à missão serão mantidos. Hoje, por determinação do general, muitas parcerias estão sendo reavaliadas atendendo uma diretriz que prevê o melhor emprego dos recursos dentro dos bons preceitos da administração pública. A medida leva em consideração os princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência, de acordo com o artigo 37 da Constituição Federal.”

A receptividade e as tratativas foram positivas, avalia o presidente do Conselho dos Lindeiros. Silva e Luna se colocou à disposição para continuar a ajudar a região lindeira. “O novo diretor se mostrou muito afinado com as questões regionais e disse que tem vontade de continuar com ações em benefício da população lindeira com inciativas concretas”, destacou Rohden. “Foi uma oportunidade importante de contato com a nova diretoria para alinhar algumas questões e manter o vínculo para ações conjuntas”, finalizou.

 

Lindeiros

O Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu tem como integrantes, Guaíra, Marechal Candido Rondon, Santa Helena, Missal, São Miguel do Iguaçu, Medianeira, Santa Terezinha de Itaipu, Diamante D’Oeste, Terra Roxa, Foz do Iguaçu, Mercedes, Pato Bragado, Entre Rios do Oeste, São José das Palmeiras, Itaipulândia e Mundo Novo (MS).

Após alta do diesel, líder diz que caminhoneiros podem fazer nova greve em 10 dias

aumento do preço do óleo diesel, anunciado nesta quarta-feira (17) pela Petrobras, não agradou aos caminhoneiros. Segundo Wanderlei Alves, o Dedeco, os motoristas estão se articulando para fazer uma nova greve, como a de 2018. E isso pode acontecer em 10 dias.

“Infelizmente o governo pagou para ver”, disse ele, em um vídeo divulgado na noite desta quarta (17), sobre o aumento anunciado pela Petrobras. Alves, que é de Curitiba, foi uma das lideranças da paralisação do caminhoneiros ocorrida em maio de 2018.

Na terça-feira (16), em troca de mensagens com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, Alves disse que as reivindicações da categoria não estão sendo atendidas a contento e afirmou que uma nova greve de caminhoneiros poderia ocorrer em caso de reajuste do preço do diesel. “Se subir o óleo diesel, ministro, nós vamos parar e ponto final”, disse. Nesta quarta, a Petrobras anunciou um aumento de R$ 0,10 no preço do litro na refinaria. Segundo a estatal, na bomba o valor poderia ser menor, de R$ 0,06.

“Eu quero que entendam o impacto. Essa viagem em que estou agora gasta mil litros de diesel. Faço nove viagens dessas por mês, são 9 mil litros. É só calcular 9 mil vezes 10 centavos. E o frete não aumenta”, explicou ele, no vídeo – pela conta de Alves, o aumento de R$ 0,10 daria R$ 900 a mais de despesa nessa viagem. “No dia 5 de janeiro, sobrava R$ 2.500 numa viagem dessas. Hoje sobra de R$ 1.700 a R$ 1.800, por causa dos aumentos anteriores. Mais 10 centavos, isso vai colocar direto no fundo do poço”.

Segundo Alves, o governo tem escutado as lideranças erradas dentre os caminhoneiros. “Decidimos que vamos parar, só estamos articulando a data, mas acredito que em 10 dias estaremos parados, até que o governo procure entender qual é a real situação do caminhoneiro”, afirmou. “Que procure abrir as portas para as lideranças certas, aquelas que pararam o Brasil no ano passado”.

PM de Altônia apreende veículo carregado de cigarros ao atender acidente

A Polícia Militar de Altônia realizou uma apreensão de cigarros ao atender um acidente de trânsito na noite de quarta-feira (17), em uma estrada rural nas proximidades da cidade. Inicialmente a PM foi informada que havia um acidente, possivelmente com vítima, na rodovia PR-496, entre Altônia e Pérola. Depois, também foi localizado um Vectra preto carregado de cigarros, com placas de Maringá.

Quando os policiais chegaram ao local para atender a ocorrência do acidente, perceberam uma movimentação de pessoas que teriam retirado uma carga de cigarros que havia no veículo envolvido, uma Ford Ranger prata, com placas de Curitibanos (SC). As informações eram de que o condutor teria capotado na rodovia.

Quando os policiais chegaram, as pessoas que possivelmente saquearam a carga de cigarros já não estavam no local. O condutor também não se encontrava mais.

Na sequência, ao realizar um patrulhamento nas proximidades do acidente, a PM encontrou nos fundos de uma vila rural um veículo Vectra carregado com cigarros e em estado de abandono.

No interior do veículo, além do cigarro, os policiais encontraram alguns documentos pessoais de um homem e de uma mulher, com identificação de Maringá, cartões bancários e duas carteiras de estudantes.

A caminhonete Ranger foi recolhida pela Polícia Rodoviária de Pérola e o Vectra foi encaminhado para a Receita Federal de Guaíra. Os suspeitos ainda não foram localizados.

Conforme a PM de Altônia, após a apreensão, uma pessoa de Maringá registrou um boletim de ocorrência denunciando o furto do veículo Vectra preto, que seria o mesmo encontrado abandonado pelos policiais.

(Com colaboração de Brandão Junior)

 

Sobe para 20 o número de mortos na comunidade da Muzema no Rio

Mais dois corpos foram resgatados pelos bombeiros nos escombros dos dois prédios que desabaram na comunidade da Muzema, na zona oeste, na tarde desta quarta-feira, 17., e outro dois foram localizados. Ainda não há identificação oficial das vítimas, que foram levadas para o Instituto Médico Legal, mas a reportagem apurou que seriam de um homem e uma mulher. Com isso, sobe para 20 o número de mortos na tragédia, ocorrida na manhã da última sexta-feira, 12.

Quatro pessoas seguem desaparecidas. O comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Roberto Robadey, já havia informado na terça-feira que havia uma grande possibilidade de o trabalho nos escombros ser encerrado hoje, sexto dia das buscas. Os bombeiros já conseguiram chegar aos andares mais baixos dos prédios.

No entanto, a tarefa segue com lentidão porque é feita manualmente, sem uso de britadeiras e máquinas pesadas pois ainda há esperança de achar sobreviventes. Cães farejadores que estiveram no resgate das vítimas do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho (MG) estão ajudando no trabalho.

Pelo menos dez pessoas ficaram feridas no desabamento dos prédios, que ocorreu três dias depois de a região da zona oeste ter sido duramente castigada por uma tempestade. Três pessoas seguem internadas, duas mulheres em CTI, em estado grave, e uma criança em estado “estável, porém delicado”.

Os dois prédios que desabaram ficam numa região dominada pela milícia – o grupo paramilitar que explora vários negócios em comunidades carentes do Rio. A exploração imobiliária irregular é um dos principais negócios da milícia. Os prédios que caíram, como muitos outros na região, foram erguidos e comercializados irregularmente.

Com o encerramento do trabalho dos bombeiros, haverá a implosão de pelo menos 16 prédios do Condomínio Figueiras do Itanhangá. Três deles ficam próximos aos prédios que desabaram e teriam já sua estrutura afetada. Os demais também foram construídos irregularmente. A prefeitura ofereceu cadastro no programa Minha Casa Minha Vida às famílias desabrigadas.

Policiais da 16ª DP (Barra da Tijuca) e da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) querem responsabilizar criminalmente os responsáveis pela tragédia. Uma das empresas intimadas a depor seria a Gaúcha New Construtora Consultoria Planejamento e Projetos LTDA, citada em uma ação civil pública, conforme reportagem do jornal O Globo.

Jovem é presa suspeita de matar filho recém-nascido com uma facada no peito

Uma jovem de 18 anos foi presa na manhã desta quarta-feira (17) suspeita de matar o filho, de três dias de vida, com uma facada no peito, em Faxinal, no norte do Paraná.

De acordo com o delegado Ricardo Augusto de Oliveira Mendes, por volta das 3h da manhã desta quarta, a criança estava chorando muito, e a mãe levou ela para fora de casa para amamentar.

O irmão da mulher, que dormia na sala, ouviu o barulho dela entrando de volta, e percebeu que o bebê tinha diminuído o choro.

“Depois disso, ele foi em direção ao berço onde a mulher tinha deixado o bebê, e notou que a criança não se mexia mais. Ao desenrolar a manta viu marcas de sangue”, explicou Mendes.

Conforme o delegado, a avó levou o bebê para o Hospital Municipal de Faxinal, e uma enfermeira acionou a polícia porque a criança já estava morta.

Ainda segundo o delegado, a polícia foi até a casa da jovem suspeita, e encontrou uma faca de cozinha com sangue. Em depoimento, a jovem confessou que cometeu o crime, e que fez “para se libertar”.

“Além da facada, o bebê tinha várias marcas de roxo. A suspeita é de que ela tenha batido nele também”, disse Mendes.

A jovem está presa na 53ª Delegacia Regional de Polícia de Faxinal. Ela pode ser indiciada por homicídio qualificado, cuja pena, se houver condenação, varia de 12 a 30 anos de prisão.

OUÇA OS GOLS: Nos pênaltis, Grêmio derrota Inter e conquista o bicampeonato gaúcho

O Grêmio sagrou-se bicampeão gaúcho ao vencer o Internacional nos pênaltis por 3 a 2 na Arena. Durante o tempo normal a partida terminou empatada sem gols. O jogo foi marcado por muitas polêmicas e uso do VAR que acabou sendo decisivo na marcação de uma penalidade que foi desperdiçada por André. Mas quis o destino que na última cobrança o centroavante desse o título para o Tricolor Gaúcho.

Também tem que ser destacado o goleiro Paulo Victor que pegou três penalidades. Na campanha os comandados de Renato Portaluppi não perderam nenhuma partida na competição e levam apenas um gol.

Pela Libertadores o Grêmio volta a campo no dia 23, terça, quando visita o Libertad, às 19h15(de Brasília), no Nicolás Leoz. Já na quarta o Internacional pega o Alianza Lima, às 21h30 (de Brasília), no Alejandro Villanueva.

Ouça todas as cobranças:

PRF recupera dois carros roubados e prende os motoristas em Guaíra/PR.

A equipe policial realizou a abordagem na tarde dessa terça-feira 26/04/2019 em Guaíra/PR, aos dois veículos na BR 163 KM 350, em frente a unidade operacional da Ponte Ayrton Senna.

Os condutores apresentaram documentos falsos (CRLV e Procuração) e após identificação dos veículos foi constatado que eram clones, sendo os originais produtos de roubo em Porto Alegre/RS.

Aos policiais rodoviários federais, afirmaram que são sócios e que vendem CRIPTOMOEDA, sendo os veículos negociados em moeda virtual.

Em posse dos envolvidos foi localizado R$ 100 (cem reais) em notas falsas.

Os motoristas de 21 e 24 anos, residentes em Dourados/MS foram presos em flagrante.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal em Guaíra/PR.

Os condutores responderão pelos crimes de uso de documento falso, moeda falsa, receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor que somados podem pegar até 30 anos de prisão.

Senadores já falam em impeachment de Toffoli e Moraes

O Senado Federal reagiu às ações autorizadas nesta terça-feira, 16, pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, no inquérito que apura denúncias de ofensas e ameaças a membros da Corte. Um grupo de senadores anunciou que protocolaria nesta quarta-feira, 17, pedidos de impeachment contra o presidente da STF, Dias Toffoli, e Moraes, alegando crime de responsabilidade e abuso de autoridade dos magistrados.

Em outra reação, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre afirmou que vai pautar em plenário, “em tempo oportuno” e com base em um “compromisso político”, um pedido, que já tinha sido arquivado, de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar tribunais superiores, a chamada “CPI da Lava Toga”. “Regimentalmente, nós poderíamos e deveríamos encaminhar a matéria para o arquivo. Mas a presidência assumiu um compromisso político de submeter a matéria ao plenário”, disse.

Alcolumbre havia arquivado o requerimento na segunda-feira, dia 15, após o pedido ser rejeitado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa. O argumento foi que o regimento interno exigia que eventual recurso para plenário deveria ser apresentado em dois dias úteis após a votação na Comissão, ou seja, até sexta-feira passada. “Esta presidência considerará como se houvesse sido apresentado recurso contra decisão da CCJ, de forma que a matéria será oportunamente pautada para deliberação do plenário.”

Transparência

De acordo com o senador Alessandro Vieira (PPS-SE), que recolheu as assinaturas, os dois requerimentos para abertura de CPI têm como argumento a tese de que houve crime de responsabilidade através de abuso de poder na abertura do inquérito, determinada por Toffoli, e nas buscas feitas pela Polícia Federal e bloqueios de redes sociais, ordenados por Moraes. “Não estamos buscando pacificação, estamos buscando transparência.”

O líder da minoria, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), disse ver elementos para pedidos de impeachment dos dois ministros, e cobrou o julgamento de uma ação protocolada pela Rede, que pede anulação do inquérito como uma solução para a situação. “Eu rogo aos membros de bom senso do STF que restabeleçam a ordem constitucional.” As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais duas mortes por dengue são confirmadas no Estado

O Bemdito

O boletim semanal da Secretaria da Saúde, que atualiza os números da dengue, confirma mais dois óbitos em Londrina: um homem de 40 anos, morador da zona Leste da cidade, e uma mulher de 63, moradora da zona Sul. São casos autóctones, o que significa que as pessoas contraíram a doença nos locais de residência. O município já tinha outras duas mortes confirmadas no mês passado.

O Paraná registra oficialmente 5 óbitos por dengue. O outro caso, também confirmado em março, é de Cascavel. Além de Londrina, os municípios em alerta para epidemia são Foz do Iguaçu, Cianorte e Jacarezinho. E os municípios com epidemia confirmada são Missal, Anahy, Nova Olímpia e Andirá.

O levantamento da semana tem 561 novos casos no Estado. Agora são 3.114 casos confirmados contra os 2.553 da semana anterior.

Dez municípios apresentaram casos de autoctonia pela primeira vez. São eles Irati, Marmeleiro, Santa Tereza do Oeste, Goioerê, Mamborê, Quinta do Sol, Brasilândia do Sul, Mariluz, Congoinhas, Nova Fátima e São Jerônimo da Serra.

A Secretaria da Saúde segue com as ações de combate à dengue, em parceria com os municípios em todas as regiões. Profissionais que atuam na Vigilância em Guarapuava, Cascavel e Toledo receberam orientações sobre o combate ao mosquito Aedes Eegypti. As recomendações estão sendo retransmitidas para mais profissionais que trabalham em ações de combate nos municípios vizinhos e também para a população.

“Nossa mobilização é permanente com atividades de orientação de combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zíka vírus em todas as cidades. Estamos orientando os municípios para que intensifiquem os mutirões de limpeza e a busca ativa por novos criadouros e focos”, afirmou Ivana Belmonte, da Divisão de Vigilância Ambiental da Secretaria da Saúde.

Gostaria de fazer parte da nossa rede de amigos? Basta Clicar aqui!Sim, Eu Quero!