Guaíra sediará reunião para discutir demarcação de terra indígena na região

Alerta: golpe do WhatsApp já fez vítimas na região. Entenda como se prevenir
8 de maio de 2019
Grave acidente deixa duas pessoas feridas e causa interdição na PR-482
9 de maio de 2019
Exibir tudo

Guaíra sediará reunião para discutir demarcação de terra indígena na região

Na sexta-feira (10), os Sindicatos Rurais de Guaíra, Terra Roxa e Altônia realizarão uma Audiência para debater a situação dos produtores rurais da região, atingidos pelos conflitos indígenas. O evento será realizado no anfiteatro da Unipar a partir das 08h30 e contará com a presença do Secretário Especial de Assuntos Fundiários (Seaf), Luiz Antônio Nabhan Garcia.

Os problemas com a demarcação indígena começaram em outubro de 2018, após a Fundação Nacional do Índio (Funai) publicar no Diário Oficial da União a demarcação de áreas. O despacho apresentava o resultado de um estudo que segundo a Funai, identificou uma área de aproximadamente 24 mil hectares, dividida em duas glebas e áreas de ilhas que poderiam abrigar uma população indígena estimada em 1.360 pessoas (dados são de 2013). Porém, nesta área estão 172 propriedades rurais legalizadas e produtivas.

Atualmente a decisão está suspensa pelo Tribunal Regional Federal (TRF) após intervenção da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep) desde o dia 7 de novembro do ano passado. Apesar de aliviar as tensões dos produtores, a situação está longe de ser resolvida.

O presidente do Sindicato Rural de Terra Roxa Vagner da Silva, convida todos os produtores a participar da audiência, que trará mais esclarecimentos sobre esse impasse. (Ouça o áudio Vagner da Silva abaixo)

O Deputado Federal Sérgio Souza já confirmou presença na audiência e destacou a importância do evento para se discutir e ouvir as reclamações dos agricultores, que segundo ele, sofrem com as ocupações indígenas na região.

C

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: