Umuarama: Com a mesma votação, doação de terreno à Casa de Custódia é aprovada

Homem é morto pelo filho com tiro de espingarda
8 de abril de 2019
Veja prints de conversas no WhatsApp que podem incriminar o vereador Neco
8 de abril de 2019
Exibir tudo

Umuarama: Com a mesma votação, doação de terreno à Casa de Custódia é aprovada

Foi finalizada por volta das 19h25 desta segunda-feira (8) a sessão extraordinária para segunda votação do projeto de lei 37/2019, que prevê a doação de um terreno para a construção de uma Casa de Custódia em Umuarama. E, assim como na primeira sessão, a votação terminou com cinco votos favoráveis ao projeto e três contrários.

A proposta recebeu parecer favorável dos vereadores: Mateus Barreto (PPS), Junior Ceranto (PSD), Marcelo Nelli (SD), Maria Ornelas (PODEMOS) e Ronaldo Cardoso (MDB). Foram contrários à doação do terreno os vereadores Jones Vivi (PTC), Deybson Bitencourt (PDT) e Ana Novais (PPL). O vereador Newton Soares (PSDB) não pôde comparecer à sessão e Noel do Pão (PSC) não precisou votar, pois não houve empate.

O policiamento foi reforçado, com presença de várias viaturas da Polícia Militar e Guarda Municipal. A entrada no plenário foi limitada a 153 pessoas – capacidade máxima do local.

Jones Vivi, primeiro a usar a palavra, afirmou que a desvalorização dos terrenos é de cerca de 40% nos locais em que há Casa de Custódia.

Deybson Bitencourt não concorda com a forma como o projeto tramitou na Câmara – em regime de urgência, em votações de sessões extraordinárias.

Maria Ornelas defendeu a doação do terreno. Disse que o depósito do dinheiro para a compra do terreno ainda não foi feito ao proprietário, pois o prefeito aguarda a autorização da Câmara. A vereadora finalizou afirmando que seu voto é a favor da população de Umuarama e que é favorável ao projeto.

Ana Novais falou rapidamente, apenas informando que o poder emana do povo e que é contrária do projeto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: